Disciplinas OPTATIVAS

O aluno do Curso precisa cursar 5 disciplinas optativas para integralizar 160 horas de disciplinas optativas.

Dentre as optativas 3 disciplinas são de livre escolha (Grupos 1 a 5) e 2 disciplinas devem ser obrigatoriamente do Grupo 2 e/ou do Grupo 4 (disciplinas com carga horária de extensão).

(Tabela com pré-requisitos e co-requisitos)

Clique sobre o nome da disciplina para acessar a ementa


OPTATIVAS DO GRUPO 1

LIBRAS (32h):

Estudar a estrutura da língua de sinais nos níveis fonológicos e morfossintáticos. Adquirir a prática da língua de sinais em situações de comunicação bilíngüe, reconhecendo o direito do surdo de ser aprendiz da Língua Brasileira de Sinais - LIBRAS enquanto língua natural e primeira língua do surdo, sendo a Língua Portuguesa (LP) a segunda língua e optativa na oralidade da LP.


PLANTAS TÓXICAS (32h):

Biologia, classificação e ocorrência de plantas tóxicas e invasoras de pastagens. Descrição e preparo de plantas tóxicas e invasoras para identificação. Controle de plantas tóxicas e invasoras de pastagens. Nível de toxicidade e sintomas nos animais.


MANEJO E NUTRIÇÃO DE CÃES E GATOS (32h):

Fornecer noções básicas da nutrição e alimentação de cães e gatos, capacitando-os para formular rações que atendam as exigências nutricionais e particularidades específicas destes animais, atendendo ao novo perfil do zootecnista bem como às exigências do mercado de trabalho e da sociedade.


GESTÃO E LEGISLAÇÃO AMBIENTAL (32h):

Políticas de desenvolvimento integrado e suas características. Instrumentos de gestão e sua implementação: conceitos e prática. Base legal e institucional para a gestão ambiental. Gestão de resíduos. Inserção do meio ambiente no planejamento econômico. Crescimento econômico e políticas de recursos ambientais. Aplicações de instrumentos econômicos. Valoração ambiental nos estudos de alternativas e de viabilidade. Sistemas de gestão ambiental e suas alternativas. Políticas de Educação Ambiental.


ANIMAIS PEÇONHENTOS E VENENOSOS (32h):

Veneno e Peçonha: conceito, tipos e distribuição no reino Animal. Artrópodes peçonhentos de interesse médico. Araneísmo e Escorpionismo. Vertebrados peçonhentos e venenosos de interesse médico. Ictismo e ofidísmo. Soros Antipeçonhentos.


 

    OPTATIVAS DO GRUPO 2



CONSERVAÇÃO DO SOLO (32h):

Conservação do solo: importância e objetivos. Tipos de erosão. Estimativa de perda de solo. Práticas integradas de conservação de solo e água: vegetativa, edáfica e mecânica. Sistemas de preparo de solo. Aptidão agrícola e capacidade de uso do solo.


MINHOCULTURA (32h):

Introdução, A Minhoca, Reprodução e Acasalamento, O Trabalho das Minhocas, Espécies Comerciais, O que é minhocultura?, O que é húmus de minhoca? Vantagens em se produzir Húmus, O que é Importante saber sobre o Húmus de Minhoca, Como Criar Minhocas, Escolha da espécie, Escolha do local, Procedimentos Gerais, Preenchimento com o substrato, Colheita e Comercialização, Cuidados básicos com o minhocário, Material utilizado na minhocultura.


DIREITO AGRÁRIO (32h):

Direito Agrário no Brasil: evolução da legislação e o quadro dos problemas incidentes sobre a realidade do processo agrícola brasileiro. Direito agrário: conceito, natureza jurídica, conteúdo e fontes. Princípios gerais peculiares do direito agrário. O direito agrário e a Constituição Federal. O direito agrário e a reforma agrária. Organização da propriedade territorial rural – registros públicos, evolução da propriedade territorial rural no Brasil. Zoneamento rural, latifúndio e minifúndio. Desmembramento e loteamentos. Cadastro e tributação rural. Contratos agrários; os contratos agrários no Código Civil e no Estatuto da Terra. Do arrendamento e da parceria. Prelação e extinção dos contratos agrários. Crédito rural dos títulos de crédito. Introdução aos Direitos Humanos.


COOPERATIVISMO (32h):

Conceito e importância, doutrina, classificação, organização e legislação cooperativista nos regimes capitalistas e socialistas. Diagnóstico e prognóstico da área de ação e gerência da cooperativa. Estrutura organizacional da cooperativa. Chefia e gerência de cooperativa. Administração de cooperativas rurais. Projetos em cooperativas agrícolas.


FUNDAMENTOS DA EQUOTERAPIA (32h):

Equitação e hipologia: noções básicas; exterior do cavalo; noções básicas de equitação; tipologia do cavalo e andaduras (tipo de cavalo; treinamento). fundamentos técnicos científicos da equoterapia: A Equoterapia: histórico; abrangência; bases e fundamentos; a equitação e a equoterapia; o cavalo como instrumento cinesioterapêutico; A atuação multiprofissional na equoterapia; A ANDE-BRASIL: histórico; estratégia de implantação; Ergonomia na equoterapia; Metodologia do atendimento equoterápico; A equoterapia e sua inserção no contexto ensino, pesquisa e extensão.


 

OPTATIVAS DO GRUPO 3


MARKETING, INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO (32h):

Marketing: conceitos e princípios de marketing. Análise das oportunidades de mercado. Comportamento do consumidor. Seleção de mercados alvos, segmentação. Planejamento de produtos e serviços. Marcas e embalagens, ciclos de vida dos produtos, preços e canais de distribuição - varejo e atacado. Promoção - estratégia da comunicação. Introdução ao empreendedorismo e inovação. Perfil empreendedor. Processo empreendedor. Ecossistema empreendedor. Perfil inovador. Processo inovador e ecossistema inovador. Aproximação conceitual ao processo de inovação tecnológica. A sequência invenção-inovação-difusão. Causas da inovação tecnológica e tipos de inovações. Etapas e atividades do processo da inovação. Indicadores da inovação C+T e I+D. Modelos do processo de inovação tecnológica e sistemas de inovação.


ZOOTECNIA DE PRECISÃO (32h):

Introdução à zootecnia de precisão; princípios básicos de mapas, cartografia temática e geovisualização para registro de informações e rastreabilidade; sistemas de apoio à decisão; estatística básica e geoestatística; automação e controle; sensoriamento remoto e processamento de imagens digitais; seminário sobre aplicações da zootecnia de precisão.


GENÉTICA MOLECULAR APLICADA AO MELHORAMENTO ANIMAL (32h)

Marcadores genéticos. Surgimento e evolução dos marcadores moleculares. Equilíbrio e desequilíbrio de ligação, distância entre gene e marcador e mapas de ligação. Principais marcadores moleculares e suas vantagens e desvantagens. Aplicações dos marcadores (detecção de anomalias hereditárias, testes de parternidade, rastreabilidade de produtos, seleção assistida por marcadores, etc.). Surgimento e aplicações dos marcadores genômicos. Estudo da expressão gência aplicada ao melhoramento animal. Associação entre os métodos clássicos de seleção e análise genômica em melhoramento animal.


BIOTÉCNICAS REPRODUTIVAS APLICADAS À PRODUÇÃO ANIMAL (32h):

Manejo reprodutivo. Métodos reprodutivos. Biotécnicas reprodutivas aplicadas à produção animal. Nutrição e reprodução e seus impactos nos sistemas de produção animal. Sanidade zootécnica aplicada à reprodução. Eficiência reprodutiva. Estratégias de melhoramento genético por meio da reprodução das diferentes espécies. Índices reprodutivos. Planejamento de programas reprodutivos em rebanhos.


IMUNOLOGIA BÁSICA (32h):

Conceitos de Imunidade. Componentes do Sistema Imune. Receptores de antígeno. Processamento e apresentação de antígenos. Sistema Complemento. Reações de hipersensibilidades. Inflamação. Doenças auto-imunes e imunizações.

 


OPTATIVAS DO GRUPO 4


CULTURAS AVÍCOLAS EMERGENTES (32h):

Importância econômica e social da coturnicultura. “Situação e perspectiva da coturnicultura brasileira”. Técnicas de criação de codornas. Tipos de construções e equipamentos. Planejamento e execução de programas de alimentação, biossegurança, melhoramento genético e reprodução, adequando níveis de tecnologia à realidade socioeconômica e cultural, com vistas ao aumento da produtividade de carne e ovos de codornas. Importância econômica, social e perspectivas da produção comercial de perus. Criação, manejo e produção de perus.


INFORMÁTICA APLICADA À ZOOTECNIA (32h):

Introdução e importância do computador. Conceitos básicos de informática. Conceitos e exemplos de hardwares e softwares. Sistemas operacionais, navegadores e navegação. Manipulação de arquivos. Editores de texto. Apresentação de Slides. Planilhas de edição e tabulação de dados. Utilização de fórmulas. Automatização de procedimentos. Resolução de sistemas de equações. Elaboração de formulários. Utilização de gráficos e variáveis descritivas.


CUNICULTURA (32h):

Estudo das principais raças cunículas exploradas, tipos de criações, objetivos e importância o cenário mundial e nacional, aspectos  fi siológicos, nutricionais, reprodutivos, sistemas de acasalamentos e cruzamentos, manejos iniciais de cria e engorda, seleção, abate, além de aspectos nutricionais da carne e qualidade de carcaça. Desenvolvimento de projetos de criação de coelhos.


APICULTURA (32h):

Espécies e raças de Abelhas, anatomia e fisiologia de Apis mellifera, a organização social das abelhas do gênero Apis, defesa e agressividade em abelhas Apis, criatório racional de abelhas Apis, manejo de abelhas Apis, noções de genética e melhoramento em abelhas Apis, doenças e inimigos naturais, produtos das Abelhas, noções sobre o uso de abelhas para polinização. Meliponíneos: espécies e raças de meliponíneos, anatomia e  fisiologia das abelhas sem ferrão, organização social das  abelhas  sem ferrão, nidifi cação e formas de defesa dos meliponíneos, criatório racional de abelhas sem ferrão, manejo de abelhas sem ferrão, noções de genética e seleção em abelhas sem ferrão, doenças e inimigos naturais, produtos dos meliponíneos, o uso de abelhas sem ferrão para polinização.


NUTRIÇÃO DE RUMINANTES EM PASTO (32h):

O ruminante, o rúmen e a pastagem. Consumo voluntário de pasto. Seletividade. Limitações nutricionais dos pastos tropicais. Princípios nutricionais da suplementação a pasto. Fontes de nutrientes suplementares. Produção de novilho precoce e superprecoce a pasto. Manejo nutricional de fêmeas em pastejo.


 

OPTATIVAS DO GRUPO 5


MICROBIOLOGIA APLICADA À ZOOTECNIA (32h):

Papel dos microrganismos na digestão e alimentação animal. Microbiologia de água. Biotecnologia aplicada  a  microrganismos  de  importância  na alimentação  animal. Deterioração pelos microrganismos Clostridium botulinum, Listeria monocytogenes, enterotoxemia por C. perfringens, Escherichia coli, Salmonella na indústria de rações. BSE. Vírus de importância à alimentação animal e Micotoxinas.


AVALIAÇÃO E TIPIFICAÇÃO DE CARCAÇAS (32h):

Repercussões da padronização nos processos zootécnicos e de comercialização. Fatores que influem na avaliação comercial dos animais em pé e das carcaças dos animais. Sistemas de avaliação e tipificação de carcaça. Tecnologias e técnicas de avaliação, métodos convencionais de classificação e tipificação de carcaças e tendências atuais. Avaliação e tipificação de carcaça associada ao melhoramento genético e a nutrição animal. Rendimento de carcaça. Rastreabilidade. Manejo de abate e suas implicações sobre a carcaça. Exigências de mercado consumidor.


GERENCIAMENTO DE GRANJAS AVÍCOLAS (32h):

Manejo e gerenciamento da produção comercial de frangos de corte e de poedeiras. Classificação e comercialização de ovos para consumo e incubação. Manejo da incubação. Boas práticas de fabricação na avicultura. Avaliação de índices de desempenho na avicultura. Formulação e avaliação de custos de rações para aves.


COMPORTAMENTO E BEM ESTAR ANIMAL (32h):

Fundamentos do comportamento animal. Comportamento como forma de adaptação. Seleção natural, evolução do comportamento e domesticação. Comportamento inato e aprendido. Ritmos Biológicos. Comportamento de Mantença. Comportamento social e reprodutivo. Estresse e estereótipos. Bem-estar animal.  Etologia e ética. Características comportamentais das principais espécies zootécnicas.


NUTRIÇÃO DE ORGANISMOS AQUÁTICOS (32h):

Nutrição de peixes, camarões e outros animais de importância na aqüicultura. Noções sobre cadeias alimentares, anatomia e fisiologia do sistema digestivo e atração dos animais pelo alimento. Exigências nutricionais (proteínas e aminoácidos, lipídios, energia, carbohidratos, vitaminas e minerais) de peixes e camarões. Formulação e produção de rações. Estratégias de alimentação. Dietas especiais para as fases de maturação, larvicultura e engorda de animais aquáticos.


RECURSOS FORRAGEIROS DOS BIOMAS BRASILEIROS (32h):

Caracterização dos biomas brasileiros. Forrageiras nativas e cultivadas dos biomas brasileiros. Principais sistemas de produção de ruminantes utilizados nos biomas brasileiros. Principais plantas tóxicas presentes nos biomas brasileiros. Principais pragas e doenças das forrageiras dos biomas brasileiros. Valor nutritivo das plantas forrageiras dos biomas brasileiros. Manejo das pastagens nativas e cultivadas. Desempenho animal em pastagens nativas e cultivadas sob as condições dos biomas brasileiros.


Logo da UFMT
Câmpus Cuiabá

Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367
Bairro Boa Esperança - Cuiabá - MT
CEP: 78060-900

(65) 3615-8000

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Câmpus Araguaia

Unidade I - Pontal do Araguaia
Avenida Universitária, nº 3500
Pontal do Araguaia - MT
CEP: 78698-000

(66) 3402-1108

Unidade II - Barra do Garças
Avenida Valdon Varjão, nº 6390
Barra do Garças - MT
CEP: 78605-091

(66) 3402-0736

Funcionamento Administrativo 08:00 às 11:30 e das 14:00 às 17:30 (horário local)

Câmpus Sinop

Avenida Alexandre Ferronato, nº 1200
Bairro Residencial Cidade Jardim - Sinop - MT
CEP: 78550-728

(66) 3533-3100

(66) 3533-3122

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Câmpus Várzea Grande

Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367
Bairro Boa Esperança - Cuiabá - MT
CEP: 78060-900

(65) 3615-6296

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30