Projeto Observatório do Populismo do Século XXI lança site com biblioteca online; conheça

Projeto reúne pesquisadores nacionais e internacionais tem o PPGCOM entre os seus fundadores

Quer descobrir como os novos populismos podem ser estudados como um fenômeno da comunicação e a forma como eles podem impactar as democracias? Basta conferir o site do Observatório do Populismo do Século XXI, lançado no último dia 4 de novembro, durante o Ciclo de Debates sobre Mídia e Populismo, transmitido pelo canal do PPGCOM/UFMT no Youtube, com a participação dos pesquisadores Isabel Ferin Cunha, Silvio Waisbord, Ariel Goldstein, Liziane Guazina e Bruno Araújo. 

 

Uma das principais novidades do site é a biblioteca online sobre comunicação e populismo, na qual o público pode encontrar uma série de materiais, em diferentes formatos, sobre a temática dos populismos do século XXI. Para facilitar a pesquisa acadêmica dos interessados no tema, a biblioteca possui um espaço especial: o Repositório Comunicação e Populismo

O repositório reúne parte importante da produção dos últimos anos sobre a interface comunicação, mídia e populismo. As obras são organizadas em categorias temáticas, distribuídas por tipos de referência (anais de eventos, artigo em periódico, capítulo de livro, coletânea, livro, manual, entre outros). O público pode selecionar os trabalhos por ano, nome de autor ou por palavras-chaves. A busca é facilitada por meio da ferramenta de filtragem no topo da página. Conheça o espaço aqui

De acordo com o professor do PPGCOM Bruno Araújo, um dos fundadores do projeto, o repositório “tem a pretensão de constituir-se como um espaço de referência para todos quantos queiram estudar o populismo na sua chave comunicacional, já que poderão encontrar não apenas uma sistematização contínua de estudos sobre o tema, como resumos desses materiais, feitos pela equipe do projeto”. 

“A ideia do Observatório é fazer a disseminação e a promoção desse conhecimento, ao mesmo tempo em que buscamos a mobilização da cidadania tão essencial para o fortalecimento de nossas democracias”, acrescenta.

Criado em 2020, o Observatório do Populismo do Século XXI foi fundado por meio da atuação dos pesquisadores Bruno Araújo, do PPGCOM/UFMT, Liziane Guazina, do PPGCOM/UnB, Isabel Ferin Cunha, do Instituto de Comunicação da Universidade Nova de Lisboa (UNL), e Ana Cabrera, do Instituto de História Contemporânea, também da UNL. Mais recentemente, ampliando o rol de parceiros, o projeto passou a contar com a parceria do Laboratório sobre Mídia e Democracia, o Lamide, do PPGCOM/UFF, por meio da pesquisadora Juliana Gagliardi. 

O objetivo principal do projeto é compreender as dinâmicas de um fenômeno que tem estremecido as democracias liberais em diversos países, entre eles o Brasil. Os pesquisadores querem discutir o populismo como fenômeno comunicativo. As pesquisas são desenvolvidas em três linhas: Populismo e Media, Populismo e Pandemia e Populismo e Gênero

Para fortalecer a consciência política, o Observatório pretende promover conferências, colóquios, seminários e outras atividades de pesquisa, com intuito de despertar a sensibilização cidadã, de acordo com a descrição do site.

Matéria escrita por Rogério Júnior (estudante de graduação em Jornalismo) e editada por Safira Campos (mestranda do PPGCOM), no âmbito do projeto de extensão ‘Tornar Comum: Divulgação de Ciência em Comunicação e Poder’.

Tags