PORCarlos Rocha
Jornalista

DATA03 de Junho de 2022

COMPARTILHE

Comunidade

Projeto Arborescer promove visitas em Sinop

Atividades de extensão envolvem alunos da rede pública municipal

O Projeto de Extensão Arborescer, desenvolvido no Câmpus de Sinop da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) promove até esta sexta-feira (3) uma série de atividades em passagem pela Semana do Meio Ambiente. O local das atividades é a Matinha da UFMT e as atividades destinam-se a estudantes do nível básico de ensino. Os estudantes fazem trilhas e caminhadas, além de conhecer o Museu Itinerante da Flora e Fauna da Amazônia Mato-Grossense realizado pelo ABAM (Acervo Biológico da Amazônia Meridional).

A professora Paula Barbosa, que coordena o projeto de extensão, contou que a proposta para o ano de 2022 foi olhar para o próprio campus da UFMT em Sinop. “Nós temos uma matinha aqui, um fragmento, que fica dentro da UFMT no Câmpus de Sinop. A ideia foi usar essa matinha para extensão, pesquisa e ensino. O projeto está voltado para fazer ações nesta matinha”, pontuou a professora Paula Barbosa sobre o projeto que tem o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat). Há várias ações previstas como “agenda verde”, que engloba a Semana do Meio Ambiente e as recepções aos calouros da UFMT

O projeto também está vinculado com a capacitação de professores da rede pública de ensino para educação ambiental. “Somos várias ações que já estão acontecendo nesta matinha. Já fizemos trilhas interpretativas em que a gente leva a comunidade, estudantes, para falar da importância da floresta em pé para a fauna e as sementes. Em pesquisa temos trabalhos em entomologia, fauna e comportamento animal. Temos também o curso de engenharia florestal em que há um inventário com árvores marcadas, medidas e mensuradas. Então, isso tudo já está ocorrendo”, relatou.

Nas ações desta semana, crianças de pré-escola estão participando das visitas. “Já recebemos crianças de pré-escola e é sempre muito gratificante. Se a gente conseguir despertar a consciência para o meio ambiente podem crescer cidadãos conscientes dos seus direitos e seus deveres, mostrando a importância da floresta em pé”, ressaltou a professora Paula Barbosa destacando o apoio do Museu Itinerante do ABAM e do Ecótono, além de professores de diferentes disciplinas.

A professora também destacou as transformações possíveis a partir do trabalho da educação ambiental. “A educação ambiental não é uma ferramenta. É uma maneira de viver a vida, uma filosofia. A gente vê que é  multidisciplinar, com várias disciplinas que podem ser ministradas lá em salas ao ar livre, mudando a perspectiva de dar aula dentro de uma sala de aula”, pontuou.

Semente do projeto existe desde 2010

De acordo com Paula Barbosa, coordenadora do projeto de extensão, a ideia do Arborescer surgiu em 2010 e foi concretizada em 2019. “A intenção sempre foi ensinar a educação ambiental e a gente viu que aqui, por se tratar de uma cidade que tem a lavoura e o monocultivo com muitas florestas que foram derrubadas, a gente achou que o foco principal do projeto seria com as crianças, para colher bons frutos”, disse a professora sobre o projeto que começou oficialmente em 2019 com o lema “Enraizando o conhecimento”.

Nos anos seguintes o Arborescer teve os slogans "Despertando a consciência" e Florescendo ideias verdes”. Este ano o lema do projeto é “Conhecer para conservar”. “A ideia sempre foi trabalhar com crianças para despertar a consciência ambiental, o nosso objetivo principal”, afirmou Paula Barbosa, acrescentado que o projeto contou com parcerias com as secretarias municipais de Saúde e de Educação. O Arborescer também conta com parcerias dentro da universidade.

“O Museu Itinerante e o Ecótono são parceiros que estão sempre presentes. Tivemos parceiros como Organizações Não Governamentais e associações do município, como o Floresta Urbana. A gente começou a mostrar também as ações que existem em meio ambiente no município de Sinop, através do Canal do YouTube que nós criamos para a comunidade ter mais acesso”, relatou a professora Paula Barbosa.


TAGS:

Logo da UFMT
Câmpus Cuiabá

Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367
Bairro Boa Esperança - Cuiabá - MT
CEP: 78060-900

(65) 3615-8000

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Câmpus Araguaia

Unidade I - Pontal do Araguaia
Avenida Universitária, nº 3500
Pontal do Araguaia - MT
CEP: 78698-000

(66) 3402-1108

Unidade II - Barra do Garças
Avenida Valdon Varjão, nº 6390
Barra do Garças - MT
CEP: 78605-091

(66) 3402-0736

Funcionamento Administrativo 08:00 às 11:30 e das 14:00 às 17:30 (horário local)

Câmpus Sinop

Avenida Alexandre Ferronato, nº 1200
Bairro Residencial Cidade Jardim - Sinop - MT
CEP: 78550-728

(66) 3533-3100

(66) 3533-3122

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30

Câmpus Várzea Grande

Av. Fernando Corrêa da Costa, nº 2367
Bairro Boa Esperança - Cuiabá - MT
CEP: 78060-900

(65) 3615-6296

Funcionamento Administrativo 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30