Histórico UAB

Histórico sobre o Sistema Universidade Aberta do Brasil.

Ouvidoria Ead

Educação a Distância

Em fevereiro de 1992, por iniciativa da reitoria da Universidade Federal de Mato Grosso, foi formado um Grupo de Trabalho, posteriormente transformado em Núcleo de Formação de Professores (NEFAPRO), com o objetivo de conceber um programa de formação de professores em serviço, para o Estado de Mato Grosso, e de elaborar um curso de licenciatura a distância, com vista a atender a mais de cinco mil professores dos anos iniciais, sem formação em nível superior.

Faziam parte deste núcleo professores das licenciaturas da UFMT, da Universidade do Estado de Mato Grosso e representantes da Secretaria de Estado de Educação (SEDUC). Dessa discussão, também participaram representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (SINTEP) e das prefeituras municipais. Ao final de 1992, elaborada a proposta, passaria a se denominar Núcleo de Educação Aberta e a Distância (NEAD), alocado no recém-criado Instituto de Educação. Teria como meta principal implementar o curso de Pedagogia a distância. Durante o biênio 1993-94, os membros do Núcleo passaram por processo de formação em EaD e elaboraram o material didático do curso.

Em adendo, organizaram a infraestrutura do Centro de Apoio no município de Colíder, na Região Norte do Estado, e deram início à formação dos orientadores acadêmicos. Em novembro de 1994, realizado o vestibular especial, 350 professores da rede pública foram matriculados no curso.

A UFMT passa a ser a primeira instituição de ensino superior a oferecer curso de graduação a distância, constituindo referência no país.

Após a avaliação da experiência, a UFMT expandiria o curso para todo o Estado, abrindo cinco polos para, em 1999, atender 2.200 professores da rede pública e, em 2003, outros 1.250. A partir de 2005, seria oferecido o curso de Pedagogia, voltado para a Educação Infantil, a mais de 2.000 docentes.

Ao longo destes anos, o NEAD/IE assessorou a implementação da modalidade a distância e do curso de Pedagogia não somente na Universidade do Estado de Mato Grosso, como nas universidades federais do Espírito Santo, de Ouro Preto, bem assim na Universidade Estadual do Maranhão e na Universidade de Caxias do Sul.

Em 2006, o Departamento de Administração criou também seu NEAD para coordenar a oferta do curso-piloto de Administração a distância, intentando atender a 500 estudantes. Ainda nesse ano, a UFMT aderiu ao Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Em 2007, o Instituto de Física, igualmente por meio de seu NEAD, começaria a oferecer o curso de Ciências e Matemática a distância. Em 2009, iniciou nova experiência na EaD, com a oferta do curso de Pedagogia para 300 estudantes brasileiros que atuam em escolas, no Japão, por meio do Acordo Brasil/Japão. 

Ainda em 2009, foi criada, na Secretaria de Tecnologias da Informação e da Comunicação Aplicadas à Educação (STI), a Coordenação de Programas e Projetos em Educação Aberta e a Distância. A partir de 2013, esta coordenação foi alterada para Coordenação de Educação Mediada por Tecnologias da Informação e da Comunicação. Essa coordenação tem como meta fomentar a institucionalização, a regulação, a supervisão e a avaliação da EaD na UFMT, bem como apoiar processos de gestão e projetos mediados por TIC’s. 

Na UFMT a atual política de gestão da EaD é descentralizada de modo que esta funciona no interior dos institutos e faculdades, em núcleos e coordenações específicas. Atualmente, a UFMT oferece na modalidade a distância, cursos de graduação, de pós-graduação Lato Sensu, de aperfeiçoamento e de extensão, com mais de cinco mil estudantes matriculados em trinta e um polos de apoio.

Mais
Menos

CEMT

Coordenação de Educação Mediada por Tecnologias da Informação e Comunicação