Ato marca resgate do símbolo do curso da Zootecnia
 UFMT - Ato marca resgate do símbolo do curso da Zootecnia

Ato marca resgate do símbolo do curso da Zootecnia

Publicado em Notícias | 14/09/2018

“Esse boi é o símbolo das conquistas dos cursos, dos professores e alunos da faculdade”. “É um patrimônio da universidade”. “Marco para o curso”. “Identidade do curso”. Essas foram algumas das frases cunhadas por professores e alunos do curso de Zootecnia da Faculdade de Agronomia e Zootecnia (Faaz) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Câmpus de Cuiabá, durante ato realizado, hoje (14) de manhã, para limpeza da pichação na escultura do boi, localizada em frente ao bloco didático.
Ao lado de um grupo de alunos do curso de Zootecnia e de alunos egressos, a professora Rose Galati, iniciou a limpeza logo de manhã. “É o resgate de um símbolo importante realizado pela primeira turma do curso, após receber um desafio do professor Marinaldo [Ribeiro]”, recordou Rose Galati ao explicar a iniciativa dos professores e alunos dos cursos de Agronomia e Zootecnia.
Para realizar a limpeza da pichação, a professora Rose Galati fez uma pesquisa na internet para descobrir como retirar a tinta jogada na escultura sem danificá-la. A professora conta que primeiro foi feito um teste com um reagente alcalino e com escovas especiais que poderiam ser usadas nesse processo. Com o resultado positivo, alunos dos cursos de Agronomia e Zootecnia se solidarizaram e decidiram realizar esse trabalho de forma conjunta. O Centro Acadêmico (CA) e a Atlética do curso participaram ativamente da iniciativa.
Com o lema “Paixão pela profissão”, a turma “Os colostro”, de 2010/1, foi a responsável pela instalação da escultura do boi. Egresso da turma 2012/2, o ex-alunos Mateus de Moraes Fonseca destacou a importância do símbolo deixado pelos alunos da primeira turma. “Foi o reconhecimento da Zootecnia. Um marco para o curso”, afirmou. Para o mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciências Animal da Faculdade de Agronomia e Zootecnia e ex-aluno da terceira turma de Zootecnia, Wemerson Moura, esse símbolo representa a conquista de espaço dos alunos que tinham aulas em vários outros blocos.
A pró-reitora de Ensino de Graduação, professora Lisiane Pereira de Jesus, acompanhou de perto a recuperação do símbolo do curso, considerado nota 5, na visita feita pelo Ministério da Educação (MEC), de 2017. Um dos cursos implantados pelo Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), a pró-reitora reconheceu a série de dificuldades enfrentadas pela primeira turma, em 2010, sem um bloco didático e salas de aulas próprias. Por isso, o boi simboliza a identidade do curso, por representar o legado dos alunos pioneiros, frisou a pró-reitora.
Confira a galeria de fotos.
 

 

 



 

Imprimir Enviar Notícia

Rodapé Animado UFMT